Aleatoriedades musicais de 2009

§ O Shota Shimizu lançou um single onde uma das faixas é um arranjo do tema de 600 AD de Chrono Trigger! Gostei da versão, você pode baixá-la aqui.

§ O soundtrack de Katamari Forever (ou Tribute) é muito bom, e tem vários remixes de músicas anteriores. Destaques vão para Katamari on the Wings cantada pelo vocalista do Sukima Switch, Everlasting Love + You pela Leah Dizon, e a A Crimson Rose and a Gin Tonic (YMCK 8bit Mix) que como o nome diz, é um chiptune! Você pode achá-lo nos fóruns do FFShrine (precisa cadastrar).

§ Baixei o Ken’s Bar II, álbum de covers do Ken Hirai, e gostei muito da faixa Wakare Uta, cantada com o vocalista do Spitz. Pesquisando, descobri que a faixa é de uma cantora famosa no Japão, Miyuki Nakajima. Baixei alguns álbuns dela e são todos muito bons – ela é do tempo do pop japonês antes de virar chicletento (em geral), e tem uns toques de enka. Vale a pena ouvir:

§ Da série “por onde anda?”: a vocalista do Changin’ My Life, myco, que cantava as músicas do anime Full Moon wo Sagashite, estava meio sumida após acabar a banda e lançar somente um CD em carreira solo. Agora ela está numa banda chamada Quintillion Quiz, com um estilo totalmente diferente.

§ Da mesma série: lembra da GUMI, que cantava a abertura de Cardcaptor Sakura, Catch You Catch Me? Mudou o nome artístico para meg rock e agora canta pop-rock chicletento. Aqui ela na abertura de Asu no Yoichi, deste ano:

§ O eterno Dreams Come True continua vivo, com um álbum lançado no começo do ano celebrando os 20 anos (!) da banda. Este álbum possui um CD com as melhores músicas da banda, escolhidas pelos próprios fãs. Eles lançam um single novo essa semana.

§ Eu nunca me interessei muito em baixar shows dos cantores que gosto, mas recomendaram o We Are Kazeyomi da Maaya Sakamoto, e gostei bastante! Principalmente porque ela canta várias músicas “das antigas” como Gift, Yakusoku wa Iranai, Mameshiba, Platina… E é claro, ela que vai cantar a abertura do anime de Kobato, que estréia em outubro.

Do As Infinity – ∞1

Van e Ryo

Saiu o novo single do Do As Infinity: ∞1; o primeiro single após a volta da banda. Você pode baixar no JPOPSUKI em 160kbps ou 320kbps ou nos links fornecidos pelo pessoal do MugenDAI.

O single está muito bom! Como é bom ter o DAI de volta =) Alguns comentários inúteis das faixas:

  1. 生まれゆくものたちへ (Umareyuku Monotachi e): uma faixa mais tranquila, legalzinha
  2. メラメラ (Meramera): muito boa, o baixo é excelente, lembra um pouco as músicas animadas do Suga Shikao.
  3. Timeless: nessa a guitarra rouba toda a cena, o Ryo destruindo como sempre.
  4. Let’s get together at A-Nation: essa é uma faixa bizarra com direito a voz metalizada da Van. Não gostei muito, mas as outras já fizeram valer e muito o single.

As letras você pode conferir no mesmo post do MugenDAI.

Preview: Kazeyomi da Maaya Sakamoto

Saíram previews das músicas do novo CD da Maaya Sakamoto. Três faixas não estão lá, sei lá porquê, mas estão linkadas neste post. Destaque para a SONIC BOOM, abertura do novo OAD de Tsubasa.

Sinceramente? Não me animei muito. Ainda não consegui descobrir exatamente o que tem de errado na “nova fase” da Maaya que não estou gostando, mas acho que é basicamente o fato que a maioria dessas músicas tem notas agudas demais, e a Maaya simplesmente não tem voz para isso! A Triangler (abertura do último Macross) é o maior exemplo disso. Ela dói nos ouvidos.

Tracklist com alguns comentários inúteis:

  1. Vento: boazinha, mas com agudos doídos.
  2. Triangler: ack.
  3. Kazemachi Jet ~ kazeyomi edition: novo arranjo, achei que ficou bom
  4. Remedy: boazinha
  5. Ame ga Furu: já tinha baixado o single, gostei mais com o tempo
  6. Ao no Ether: ack.
  7. Shitsuren Cafe: boazinha
  8. SONIC BOOM: meh.
  9. Peanuts: boazinha
  10. Saigo no Kajutsu: novo arranjo acho, mais ou menos
  11. Colors: boa, boa
  12. Kazamidori: ack.
  13. Guitar Hiki ni naritai na: mais ou menos

É triste eu ficar tão “meh” com um álbum novo dela. Eu quero músicas como Mameshiba, Platina, Yakusoku wa Iranai, Active Heart e Gift de volta! T_T

Do As Infinity VAI VOLTAR

Van e Ryo no A-NationE só fiquei sabendo agora! Eles fizeram um show surpresa no A-Nation dia 30 e vão voltar oficialmente no fim de setembro em um show grátis. A princípio eles vão focar mais em shows ao vivo mas pretendem lançar novos álbums.

Eles são uma das minhas bandas favoritas, de acordo com o last.fm são a banda que eu mais escutei. A melhor coisa deles é que são muitas poucas músicas deles que eu não gosto; ao contrário de muitos artistas que lançam singles sensacionais mas você vai ouvir o resto do CD e é uma droga.

Para variar, em 2005 eles anunciaram que iriam acabar, o que é muito comum acontecer sempre que eu acho uma banda que gosto (Siam Shade, Save Ferris, Changin’ My Life…). A Tomiko Van, vocalista, seguiu carreira solo. As músicas dela são até que legais, mas… não era Do As Infinity. O Ryo, guitarrista, também seguiu com uma banda chamada Missile Innovation, que era até boazinha se não meio alternativa demais pro meu gosto. O fato é que os dois são melhores juntos, e eles estão de volta!

…a não ser pelo compositor, Dai Nagao, que aparentemente não irá voltar junto. Estou com um pouco de medo que sem ele as músicas percam a “alma” de Do As Infinity, como aconteceu com a Maaya Sakamoto sem a Yoko Kanno. Mas vou esperar pelo melhor.

Tsubasa nas Olimpíadas

Reconhecem a música?

Ela não é da Li Shanshan; a música estava tocando para quem estava se apresentando no solo naquele momento. Ninguém consegue descobrir quem era, imagino que tenha sido alguma das japonesas, mas não consegui achar nenhum vídeo do solo a não ser de duas (que não eram). Acho que ninguém tenha parado para filmar a coitada quando uma chinesa estava se apresentando…

The Other Side of Lucy: cover de Maaya Sakamoto

Saiu esses dias um álbum de uma “banda” de duas pessoas chamada “The Other Side of Lucy” composta da vocalista inglesa Pippa, e Jerome, francês que toca violão. Todas as faixas são covers de músicas da Maaya Sakamoto. A tracklist:

Banda: The Other Side of Lucy
Álbum: The Other Side of Lucy - First Live@Purple Pro Audio

  1. Makiba! Alice
  2. Kodoku
  3. Daniel
  4. Pocketto wo kara ni shite
  5. Chibikko Folk
  6. Yukka
  7. NO FEAR/aisuru koto
  8. pilot
  9. here
  10. yoru
  11. alkaloid
  12. yubiwa
  13. Gift
  14. Secret Track:Gift ~why not? why not? version~

Baixei sem pretensões, e não é que é bom? Todos arranjos em violão (doh) e cantados pela Pippa, que tem uma boa voz. Óbvio que não cabe comparações com as originais (embora eu tenha achado algumas até melhores…). Destaque para a Pocketto wo kara ni shite com um instrumento improvisado…

Music Meme

Eu sei que esse blog virou um fórum de discussão de Tsubasa e xxxHOLiC (e não estou achando ruim!) mas quero voltar a postar outras coisas XD

E vou aproveitar que o ChibiYuuto (para quem não sabe, ele é brasileiro XD) me tagueou em um meme, que tomei a liberdade de traduzir e não me limitar a artistas internacionais:

Todos adoramos músicas e odiamos músicas. Liste cinco artistas que você não suporta, e cinco sem os quais você não consegue viver; então tagueie cinco pessoas.

Eu não suporto…

  1. The Cranberries
  2. Marisa Monte
  3. James Blunt
  4. MPB em geral
  5. Rap americano em geral

Não artistas em especial que eu odeie, então foram os primeiros que me vieram à cabeça. James Blunt merece um lugar só pela “You’re Beautiful”. Cranberries me dá vontade de me suicidar.

Eu não posso viver sem…

  1. Joe Hisaishi
  2. Maaya Sakamoto
  3. Lulu Santos
  4. Noriyuki Iwadare
  5. Yuki Kajiura

Lista difícil. Eu gosto de vários artistas mais ou menos o mesmo tanto, mas não tem alguns que eu goste mais em especial. Joe Hisaishi é o cara e faz parte da “alma” dos movies do Ghibli. A Maaya Sakamoto não escuto muito faz tempinho, tirando as coisas mais recentes, mas traz boas memórias do tempo de CCS – comecei a ouvir ela por causa de Platina. Lulu Santos é O cara e tá sempre se reinventado, ao contrário da maioria dos artistas nacionais mais antigos. Noriyuki Iwadare (compositor de Grandia e Lunar) está para esses jogos como o Hisaishi está para o Ghibli. A última posição foi difícil escolher, mas coloquei a Kajiura porque as músicas de Tsubasa são muito boas e eu sou tão brega a ponto de ficar escutando-as enquanto leio os capítulos, e elas deixam tudo ainda mais dramático XD

Eu tagueio huh… Aga, Marya, Ale (na esperança que ressucite o blog).

Pessoal que visita e não tem blogs: sintam-se livres para responder o meme nos comentários, tenho curiosidade de saber o gosto musical de vocês XD

Sérgio Mendes feat. Dreams Come True

No ultimo CD do Sergio Mendes (que teve músicas lançadas com Stevie Wonder, Black Eyed Peas, entre outros, e que faz mais sucesso lá fora do que aqui) tem uma faixa com participação… do Dreams Come True! (banda pop japonesa de bastante sucesso, pra quem não conhece)

Bizarro.

A música é a Lugar Comum, composta originalmente por João Donato e canta originalmente, acho, pelo Gilberto Gil (blergh).

Você pode baixar ela aqui (espere aparecer o link “Click here to start download”). Ela está no formato m4a, mas o Winamp roda.

Anunciadas OP/ED de Code Geass R2 e xxxHOLiC◆Kei

Aparentemente, a abertura e encerramento da segunda temporada de Code Geass serão cantadas pelo Orange Range (OP1 *~Asterisk de Bleach, ED3 Viva Rock de Naruto, Shangai Honey de Ouendan). Fonte

A abertura da segunda temporada de Holic é do Suga Shikao, como falei alguns posts atrás. O encerramento é do SEAMO (Mata Aimashou de Tokyo Marble Chocolate). Fonte: chibiyuuto

E eu gosto de todos :D

Campanha de conscientização da letra da Bittersweet Symphony

Você já deve ter escutado a música Bittersweet Symphony, do The Verve.

Ela tem um violino bonito e é usada em vários lugares. Há uma propaganda de um banco ou algo do tipo com algum tema ecológico. Já ouvi tocar numa formatura. Já ouvi dizerem ter tocado num casamento.

Mas por favor. Por favor. Leia a letra da música antes de utilizá-la.

‘Cause it’s a bittersweet symphony, this life
Try to make ends meet
You’re a slave to money then you die

“Parabéns para os formandos de 2008!!!”

Porque esta vida é um sinfonia doce-amarga
Tentando pagar suas contas
Você é um escravo do dinheiro e então você morre.

“E os declaro marido e mulher!”